Projeto prevê que portadores de fibromialgia recebam atendimento preferencial

O deputado estadual Michele Caputo (PSDB) protocolou projeto que determina que portadores de fibromialgia recebam atendimento preferencial, em órgãos públicos e privados localizados no estado do Paraná. A justificativa é que a síndrome provoca dores no corpo e sensibilidade articular, comprometendo a mobilidade da pessoa.

Atualmente no Brasil aproximadamente 3% da população é atingida pela doença, com predominância no sexo feminino.

A proposta do deputado prevê que portadores de fibromialgia tenham a preferência em transporte coletivo, bancos, prestações de serviço, sejam elas públicas ou privadas, e em filas de atendimento preferenciais já destinadas a idosos, gestantes e pessoas com deficiência.

Se tratada adequadamente, é possível reduzir os sintomas da fibromialgia e amenizar as dores. Antidepressivos e neuromoduladores são os principais medicamentos utilizados, já que atuam diretamente no cérebro diminuindo drasticamente os níveis de dor.

"A fibromialgia não é uma doença fatal, mas devido as fortes dores causadas e o incômodo constante, as pessoas acometidas merecem certos cuidados. Com este projeto, queremos dar mais qualidade de vida a essas pessoas e diminuir dificuldades enfrentadas no dia-a-dia", comenta o deputado Michele Caputo, que já foi secretário Estadual da Saúde.

O diagnóstico precoce e o acompanhamento médico são fundamentais para o tratamento e a estabilização da doença. A combinação de tratamento médico e exercícios físicos, acompanhados de profissionais qualificados, têm colaborado muito para o tratamento de pacientes de fibromialgia. Atividades aeróbicas, alongamentos e fortalecimentos também são indicados.
Alguns sintomas comuns entre portadores da fibromialgia são: dores constantes no corpo, sensibilidade ao toque, formigamentos, cansaço, alterações no humor, e até distúrbios emocionais e psicológicos, como ansiedade e depressão.

FONTE: ASSESSORIA



Já segue nossas Mídias Sociais

Entre no nosso grupo do whats. CLIQUE AQUI
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK. CLIQUE AQUI
SIGA NO INSTAGRAM. CLIQUE AQUI
 
Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas