UENP inicia hoje Festival Arte em Casa com apresentações online

A Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) inicia hoje, 16 de abril, o Festival Arte em Casa. Projeto da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC) e da Assessoria de Comunicação, o Festival online ocorrerá ao vivo por meio dos canais dos artistas (Instagram e Facebook) até o próximo dia 23. Cerca de 20 artistas apresentarão seus trabalhos sempre a partir das 19h. Música, Literatura, Artes Cênicas e Artes Visuais são algumas das linguagens contempladas pelo Festival, que pretende envolver a comunidade externa e acadêmica, sobretudo os estudantes.

A agenda terá início nesta quinta com a Banda Vilarejo (às 19h) e com a Companhia da Terra Pr, que apresentará as cenas teatrais “Sorriso Negro” e “Oração” (19h30). Na sexta-feira, 17, o músico João Victor apresentará o melhor do rock, seguido da Cia da Terra, que, novamente, volta ao Festival com cena do espetáculo “Aterra”. Já no sábado, 18, o Festival em quatro doses de cultura pop: MC Kueyo, MC Liaschi e DJ Welk Daniel prometem agitar a noite, que será aberta pela performance do dançarino Júnior Henrique. 

No domingo, dia 19, a programação excepcionalmente terá início às 15h30, com a divulgação do documentário “Joãozinho Caldeira, o poeta do barro”. Às 16 horas, a grade do Festival contará com a exibição da cena do espetáculo “A-M-A-L-A”, da cia Humatriz. Quem encerra a programação de domingo será Cris Campos (Sereia Cris), que, de São Luís do Maranhão, contará “estórias da jornada da Sereia”. 

O quinto dia do Festival (20/04), promete aos participantes uma noite de muitas canções e poesias. Na grade musical, Maria Aquino apresentará seu brasileiríssimo repertório. Larissa Souza e Inocêncio Norte Velho apresentarão seus trabalhos literários à comunidade. Na terça, Francislaine Carvalho adentra a mitologia afro-brasileira para contar a estória de “Oxum e seus mistérios”. Bruna Luquez e Luiz Rocha encerram a noite com repertórios musicais ecléticos. 

As duas últimas noites do Festival serão marcantes, segunda a organização. Na quarta, dia 22, na grade musical, apresentam-se Rayssa Oliveira e Carlos Kalado; e Brian Oliveira, que levará, ao público, a cultura da música instrumental. A festa desta noite ficará por conta da Cia Clac de Circo, que contará “Histórias de Palhaço”.

E para encerrar o Festival, mais uma programação diversa. Direto de São Paulo, o ator Claudmar Costa performará o texto “Aves do Sertão. Logo em seguida, a poetisa jacarezinhense Meline Lopes brindará o público com suas “Convenções Desvairadas: Lições do Caos”. Quem fecha a noite são os alunos de diversos cursos do Centro Ciências Humanas e da Educação, que integram a Banda Cheiro de Chuva. 

Segundo o diretor de Cultura da UENP, professor James Rios, o Festival objetiva propiciar, remotamente, o acesso democrático à produção cultural brasileira a toda a população que, no presente momento, está em quarentena. “Enquanto Instituição promotora de Cultura, temos que nos adaptar para levar a produção cultural dos nossos artistas a toda comunidade. Neste momento, mais do que nunca, a Arte constitui-se como elemento indispensável à vida humana”, pontua o diretor de Cultura.

A programação do Festival e os canais dos artistas podem ser acessados por meio das redes sociais da UENP, Instagram (uenp_oficial) e Facebook (uenp.oficial). O evento irá gerar certificado de participação de 10h para os alunos da UENP inscritos e participantes, segundo instruções da PROEC (https://bit.ly/3a12BSn


FONTE: ASSESSORIA UENP




Já segue nossas Mídias Sociais

Entre no nosso grupo do whats. CLIQUEAQUI
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK. CLIQUE AQUI
SIGA NO INSTAGRAM. CLIQUE AQUI
SIGA O BLOGGER. CLIQUE AQUI
SIGA O LINKEDIN. CLIQUE AQUI

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas