Norte Pioneiro recebe duas usinas de asfalto para recuperação das rodovias da região


“Vários trechos de rodovias foram recuperados desde que duas usinas foram instaladas, uma em Bandeirantes e outra em Ribeirão Claro. Isso demonstra respeito e compromisso com o Norte Pioneiro”, disse Romanelli.

Para facilitar a execução de obras de recuperação da malha asfáltica, o DER iniciou em março a instalação das duas usinas de asfalto.

Escoamento — 
 Romanelli afirma que as usinas ampliam ainda a oferta de empregos. “As usinas entraram em funcionamento em abril e, em meio à pandemia, já realizaram a recuperação das rodovias, garantindo mais segurança a motoristas e empregabilidade aos trabalhadores”.


Um dos serviços executados em Ribeirão Claro é na PR-151, no trecho entre Carlópolis e o Porto Emigdão, na divisa com São Paulo. O trecho é uma importante rota de escoamento da produção agrícola e industrial da região, garantindo que os produtos cheguem a grandes centros urbanos, como São Paulo e Rio de Janeiro e ao Porto de Santos.

A PR-431, que liga Jacarezinho a Ribeirão Claro também recebeu melhorias na pista de rolamento. “É uma rodovia que dá acesso a um dos mais procurados destinos turísticos do Paraná. Além de garantir segurança à população da região, o investimento garante também o acesso dos turistas que visitam o Norte Pioneiro e que, por conta do isolamento social, estão aguardando para iniciar o calendário de viagens e desfrutar de uma das mais belas regiões do Estado”.



Programação —
 Várias obras estão em execução e outras programadas para serem realizadas, melhorando o fluxo do trânsito em todo o Norte Pioneiro. Os motoristas que circulam pela região vão se deparar com vários trechos parcialmente interditados.

“São interdições necessárias para que as obras sejam executadas. Em todo o Norte Pioneiro tem obras do DER, que visam manter as boas condições de trafegabilidade das rodovias e evitar acidentes". disse Romanelli.

As obras estão sendo realizadas entre Bandeirantes e Santa Amélia (PR-436), passando por Abatiá. Já em programação, com início previsto para os próximos dias, estão as obras de recuperação da Rodovia Primo Bassi (PR-518), em Santa Mariana.

As duas usinas são responsáveis por obras entre Abatiá e Ribeirão do Pinhal, Bandeirantes, Itambaracá e os trechos que ligam esses municípios ao Thermas Yara (Rodovia Tsuneto Matsubara), ao Porto Almeida (PR-436) e a São Joaquim do Pontal (PR-517). A previsão é de que as obras realizadas nestes trechos sejam concluídas até março de 2021.


FONTE: ASSESSORIA


Já segue nossas Mídias Sociais


Entre no nosso grupo do whats. CLIQUE AQUI 
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK. CLIQUE AQUI
SIGA NO INSTAGRAM. CLIQUE AQUI
Entre no nosso grupo do Telegram. CLIQUE AQUI
SIGA O BLOGGER. CLIQUE AQUI
SIGA O LINKEDIN. CLIQUE AQUI

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas