Transparência em compras públicas na época da pandemia volta ao debate


O projeto de lei 275/2020, do deputado Luiz Fernando Guerra (PSL), que prevê a divulgação nos portais da transparência, em uma aba específica, dos poderes públicos das compras e contratos emergenciais firmados durante o estado de calamidade e emergência em decorrência da pandemia do coronavírus retorna aos debates na sessão plenária remota da Assembleia Legislativa do Paraná na segunda-feira (10).
O texto recebeu um pedido de vista do deputado Tadeu Veneri (PT) durante análise da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde também foi aprovada a diligência para que a Controladoria Geral do Estado seja ouvida e, eventualmente, contribua para a melhoria da proposta.
Pelo projeto, as administrações estadual e municipal deverão publicar, no sítio eletrônico do portal da transparência, com link exclusivo para esta finalidade, a relação de todos os contratos que forem firmados em caráter emergencial para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus SARS-CoV-2 - COVID-19, celebrados com dispensa de licitação. 
Também visando maior transparência e concorrência quando declarado estado de  calamidade pública, será votado em redação final o projeto de lei 214/2020, assinado por diversos deputados, que classifica como inidônea para as compras públicas a empresa que praticar preços abusivos no fornecimento de insumos e equipamentos individuais durante o período de situação de emergência, como é o caso da pandemia do coronavírus.
A proposta, caso aprovada, seguirá para a sanção ou veto do Poder Executivo.


FONTE: ALEP



Já segue nossas Mídias Sociais?

ENTRE EM NOSSO GRUPO DO WHATS. CLIQUE AQUI 
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK. CLIQUE AQUI
SIGA NO INSTAGRAM. CLIQUE AQUI
Entre no nosso grupo do Telegram. CLIQUE AQUI

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas