Alunos do Norte Pioneiro são selecionados em Programa “Ganhando o Mundo”



O Programa de Intercâmbio “Ganhando o Mundo” teve a lista divulgada dos selecionados nesta terça-feira, 23. Os selecionados irão embarcar para a Nova Zelândia no segundo semestre deste ano. No Norte Pioneiro foram dez classificados.

Os selecionados foram: Vitória Aparecida dos Santos Barbosa (E.E Francisco I Oliveira de Tomazina), Maria Clara Forastieri Bonoto (C.E João M. da Silveira de Quatiguá), Caroline Maria Silva Baptista (E.E Santa Terezinha de Santo Antônio da Platina), Maria Luiza Bordgnon Godoi (C.E Sagrada Família de Siqueira Campos), Kaio Vitor de Souza Santos (C.E Stella Maris de Andirá), Milena Guedes Carvalho (E.E Castro Alves de Pinhalão), Amanda Adão Souto (C.E Miguel Dias de Joaquim Távora), Luiz Ricardo da Silva (C.E Marcílio Dias de Itambaracá), Matheus Henrique Furtado (C.E David Carneiro de Guapirama), Isabella Beatriz Buzatto Moreira Bueno (C.E Paulo Mozart Machado de Uraí) e Samuel Zanatta (C.E Maria F. Souza de Barra do Jacaré).

A seleção, que tinha como critério avaliativo as notas e a frequência durante o ano letivo de 2020, ocorreu duas etapas. Na primeira, foram classificados 363 estudantes, cada um representando um dos 399 municípios do Estado — os outros 36 não tiveram inscritos que se enquadrassem em todos requisitos para a seleção. Já na etapa final foram classificados os 100 estudantes com as maiores notas.

SELEÇÃO

Puderam participar do processo seletivo estudantes que ingressaram no Ensino Médio na rede estadual do Paraná em 2021. Também era necessário ter cursado os anos finais do Fundamental (6º ao 9º ano) na rede pública do Paraná e ter entre 14 e 17 anos e meio na data de embarque.

A seleção dos intercambistas foi feita pela média de notas e frequência. O estudante deveria ter média maior ou igual a 7,0 em todas as matérias e frequência maior ou igual a 85%. Para chegar à pontuação final foram somadas as médias de todas as disciplinas da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) cursadas em 2020, no 9º ano.

DESPESAS 

Os gastos com a documentação necessária para a viagem e itens essenciais durante o semestre letivo no exterior serão custeados pela Secretaria da Educação e do Esporte. Os custos incluem emissão de passaportes e vistos, exames médicos e vacinas, passagens aéreas e terrestres, transporte, hospedagem, seguro viagem e saúde, além das despesas vinculadas à parte acadêmica, como taxa de matrícula, tradução juramentada da documentação escolar, mensalidade da escola, material didático e uniforme.

O intercambista também receberá uma ajuda de custo mensal de R$ 800. Serão seis parcelas da bolsa-intercâmbio, sendo a primeira (bolsa-instalação) para cobrir despesas iniciais na chegada, e as demais repassadas mês a mês.


Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas