Estiagem compromete abastecimento de água



A falta de chuvas na região, especialmente em Jacarezinho, está sendo responsável pela diminuição do nível do lençol freático, e em alguns poços artesianos há dificuldade em abastecer as caixas d’água e caminhões pipa. É o que ocorre no Centro de Eventos José Antonio de Oliveira, de onde a Prefeitura tem retirado água já há alguns anos.

Para contornar o problema, que afeta inclusive a Zona Rural, os secretários Fúlvio Boberg (Gabinete) e Fabiano Posseti Neia (Conservação Urbana) estiveram no escritório da Sanepar em Santo Antonio da Platina, na última quinta-feira (13). Eles solicitaram ao Gerente Regional, Víctor Pereira Romano, o fornecimento de água para abastecimento de propriedades rurais dedicadas à horticultura e pecuária.

“Estamos com dificuldades e enquanto não chove estamos nos empenhando em ajudar o produtor rural. Nosso caminhão pipa faz o transporte, mas precisamos da Sanepar como fonte de abastecimento”, relata Fabiano. “É importante que a população economize água, pois a crise hídrica é grave”, adverte o secretário.

Para se ter uma ideia, em 2018 choveu 663mm no primeiro quadrimestre. Em 2019, 552mm e em 2020 apenas 405mm. Em 2021 o número subiu para 473mm, mas a maior parte, 304mm, no mês de janeiro. Em abril deste ano não choveu. Os números são da Canapar.

Jacarezinho possui apenas um caminhão pipa, e está providenciando a aquisição de mais um. “Estamos enfrentando o problema, mas é preciso que todos colaborem”, finaliza Fabiano.


FONTE: PREFEITURA DE JACAREZINHO

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas