´Inclusão da Pessoa com Deficiência em Cena: Transformando o Conhecimento em Ação´ é o tema do Webinário no mês de agosto



No mês de agosto, de 09 a 13, acontece o Webinário promovido pelos programas de pós-graduação em Educação Inclusiva (Profei) da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), a Comissão da Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência, o Instituto Diversa/Observatório da Inclusão, em cooperação do mandato do Deputado Estadual Subtenente Everton, que terá como temática: ´Inclusão da Pessoa com Deficiência em Cena: Transformando o Conhecimento em Ação´. O evento será transmitido pelo canal da Faculdade de Direito no Youtube.

As palestras serão transmitidas pelo canal do Youtube do Deputado Subtenente Everton Paraná, e as inscrições serão realizadas pelos participantes até 30 minutos antes do término de cada evento. O certificado terá carga horária total de 15h. O Webinário será gratuito e composto por cinco palestras com carga horária de 3h. A certificação vai ser disponibilizada pela UEPG. Vale destacar que a mediação será feita pelo Deputado Subtenente Everton, que coordena a Frente Parlamentar em Defesa da Primeira Infância e também a Frente Parlamentar em Apoio e Defesa do Paradesporto na Assembleia Legislativa do Paraná.

Este Webinário é destinado aos estudantes e professores dos cursos de graduação e pós-graduação, bem como aos profissionais da educação básica e demais interessados no desenvolvimento de pesquisas e estudos em educação inclusiva e saúde da pessoa com deficiência.

Objetivos – Os objetivos do Webinário são promover discussões teóricas de temas relacionados a inclusão de pessoas com deficiência para ampliar, atualizar e ressignificar o processo de construção das demandas da inclusão por meio dos fundamentos referentes a educação, família e saúde. As palestras também servirão para disseminar o conhecimento resultante das pesquisas e estudos realizados no âmbito da inclusão, discutir sobre a integração dos serviços prestados a pessoa com deficiência no que diz respeito a saúde e educação, além de promover discussões sobre as políticas públicas que orientam as teorias e as práticas referente aos direitos da pessoa com deficiência.

A Organização das Nações Unidas (ONU) aponta algumas razões pelas quais a inclusão ainda não se concretizou, tais como, ignorância, negligência, medo, superstição e desinformação. De acordo com o Deputado Subtenente Everton, a universidade é uma importante fonte de conhecimento e pesquisas a respeito da inclusão. “A universidade proporciona a socialização de pesquisas para trazer resultados práticos a sociedade, por isso contribui para a formação continuada dos professores, acadêmicos e familiares das pessoas com deficiência, e com esse evento, vamos trazer palestrantes para abordar as dificuldades enfrentadas pelas pessoas com deficiência e soluções para que seja efetiva a quebra de paradigmas na sociedade em que vivemos”, esclarece o parlamentar Deputado Subtenente Everton.


Programação – A abertura oficial do evento acontece no dia 9 de agosto, com início às 19h, e contará com as participações da Profa. Dra. Vera Lucia Martiniak, coordenadora do Programa de Pós-graduação em Educação Inclusiva da UEPG; da presidente do Instituto Diversa/Observatório da Inclusão Célia Regina Santos Carreira; a coordenadora de Educação do Instituto Diversa/Observatório da Inclusão Daniele Canabarro e da Irmã Maria Aluísa Rodhen. Na mesma data, haverá um relato de experiência da youtuber Clarinha Mar, que está com 21 anos, tem paralisia cerebral, cursa Letras na Faculdade de Brasília e ela utiliza as redes sociais para mostrar a paixão pela poesia. Também, palestra da promotora Caroline Schaffka Teixeira de Sá com o tema: `O Papel do Ministério Público em Relação a Direitos Fundamentais que Demandam Ação Estatal`. Cabe ressaltar que a promotora é atuante na área da infância e da juventude, educação e registros públicos.

Na terça, 10 de agosto, a palestra é com a secretária Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Priscilla Gaspar, e o coordenador geral de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, José Naum de Mesquita Chagas, que vão abordar sobre os `Avanços e Limites na Implementação de Políticas Públicas Nacionais para a Pessoa com Deficiência`. A secretária é licenciada em Pedagogia e Letras, Mestra em Educação e Currículo na PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica – SP). Atuou como professora de LIBRAS da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (COGEAE) onde foi integrante da equipe do Programa de Acessibilidade da Libras (Derdic) como responsável pela elaboração de conteúdos, materiais didáticos, como também na edição dos vídeos relacionados ao ensino da LIBRAS. José Naum de Mesquita Chagas é graduado em Terapia Ocupacional pela Universidade de Fortaleza (2004), Mestre em Saúde Pública pela Universidade Estadual do Ceará. Também, membro da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS.

No dia 11 de agosto, quarta-feira, a palestra será realizada pela Profa. Dra. Graciela Conceição Pignatari, com o tema `Autismo e Genética: O que são os exames genéticos e seus principais benefícios`. Graciela é bióloga com Mestrado e Doutorado em Biologia Molecular pela UNIFESP. Realizou estágio durante o doutoramento no Mount Sinai School of Medicine em Nova York, Estados Unidos na área de Farmacologia. Possui atuação profissional em laboratório de pesquisa nas áreas de Biologia Celular e Molecular, Células-Tronco, Terapia Celular e Modelagem de Doenças. É professora de Metodologia do Trabalho Científico no curso de Especialização em Implantodontia na Universidade Cruzeiro do Sul. É co-fundadora, responsável técnica e diretora executiva da TISMOO, uma startup de biotecnologia voltada exclusivamente para o Transtorno do Espectro do Autismo e outros transtornos neurológicos de origem genética que apresentam comportamento do TEA.

Na quinta, 12 de agosto, o palestrante vai ser o professor de Educação Física Adaptada Daniel do Carmo, que vai explicar sobre os `Objetivos da Educação Física Adaptada Baseada em Evidências`. E no último dia do evento, 13 de agosto, a Profa. Dra. Jacqueline Lidiane Souza Prais comentará sobre o Desenvolvimento de Práxis Inclusivas Baseadas no Desenho Universal para a Aprendizagem. Jaqueline é Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Desenvolve pesquisas que envolvem formação de professores, Educação Especial, Educação Inclusiva, organização da atividade de ensino, prática pedagógica, Desenho Universal para a Aprendizagem. Escreveu os livros das intenções à formação docente para a inclusão, Educação Infantil: formação docente e cotidiano escolar. Cabe destacar que as palestras contarão com o intérprete de libras Lucas Grigio.

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas