Deputado Subtenente Everton tem seu mandato pautado no paradesporto paranaense



O paradesporto, o esporte paralímpico, sempre receberam uma atenção especial do Deputado Subtenente Everton. Logo no primeiro ano de mandato, na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), implantou a Frente Parlamentar em Apoio e Defesa ao Paradesporto. A Frente iniciou suas atividades com propostas legislativas que contribuem para o desenvolvimento e promoção do esporte em todas as suas áreas, para as pessoas com deficiência. “Nossa Frente Parlamentar do Paradesporto tem como proposta firme de construir políticas públicas para o paradesporto paranaense e estímulo a formação de futuros atletas”, destaca o Deputado Subtenente Everton.

Recursos para o paradesporto 

No primeiro ano do programa Paraná Mais Cidades, política pública que utiliza recursos do Tesouro Estadual e da sobra orçamentária do Poder Legislativo, o gabinete do Deputado Subtenente Everton foi responsável por destinar cerca de 1 milhão e trezentos mil para os municípios paranaense para investimento direto na construção e reforma de quadras esportivas nas escolas, arenas esportivas, cadeiras de rodas de competição, kits de material esportivo e paradesportivo.

De forma inédita, o investimento continuou no segundo ano do Programa Paraná Mais Cidades, o Deputado reafirmou seu compromisso, com foco a atenção e o cuidado com todas as deficiências, além de buscar a melhoria da qualidade de vida dos paranaenses com práticas voltadas ao esporte e à inclusão. Neste ano, foram investidos novamente 1 milhão e trezentos mil em cadeiras de rodas esportivas (rugby, basquete, tênis de mesa, tênis de campo, atletismo, handbike e tandem bike) e kits de material esportivo e paradesportivo. “Estamos no ano olímpico e paralímpico, nada mais justo em darmos condições de treinamento para os nossos atletas que irão focar Paris 2024, após o retorno de Tóquio”, afirma.



Festival Militar Paralímpico

Juntamente com a Paraná Esporte, instituições e organizações da sociedade civil (OSC) que desenvolvem o paradesporto em Curitiba e região metropolitana aconteceu o 3º Festival Militar Paralímpico que compõe o Programa Militar do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) que visa apresentar modalidades paralímpicas a militares e agentes de segurança pública que possuem alguma deficiência. O evento foi um sucesso. Na oportunidade, os presentes no festival vivenciaram quatro modalidades, com a presença de nossos militares, no rugby em cadeira de rodas, voleibol sentado, atletismo e esgrima paralímpica. “O Festival Militar visa o resgate da identidade e dos valores militares dos participantes no evento, que também têm algumas rotinas típicas de caserna, continência à bandeira entre outras”, comentou o deputado. O Festival Militar irá retornar assim que a Secretaria de Saúde autorizar atividades esportivas presenciais.

Projetos de Lei – Ao longo de seu primeiro mandato, Deputado Subtenente Everton apresentou diversos projetos de lei que tiveram como objetivo estimular a formação de atletas, desenvolver políticas públicas para fortalecer o paradesporto e apoiar a construção de estruturas no Paraná como reforma e construção de ginásios para a prática do paradesporto. Destacamos os projetos de lei nº 160/2020, que dispõe sobre a prática de Equoterapia, e determina que os atendimentos devem ser feitos por uma equipe multiprofissional, composta por médico, médico veterinário e profissionais como psicólogo, fisioterapeuta e da equitação.


fonte: ASSESSORIA

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas