Prefeitura promove o Open vacina, evento que iniciou a imunização do público 18+



Nesta quinta-feira, 16, está acontecendo o Open vacina, evento promovido pela Prefeitura de Maringá para incentivar a vacinação de jovens com idade de 18 anos ou mais. A vacinação começou as 10h na sala de reuniões localizada no térreo do Paço Municipal (em frente o auditório Hélio Moreira) e vai até as 21h. O evento já vacinou mais de 500 pessoas em apenas duas horas.


A vacinação de 1ª dose também está ocorrendo nas UBSs Pinheiros, Iguaçu, Policlínica Zona Sul, das 10h às 19h, e na Secretaria de Saúde, das 10h às 21h. A vacinação para segunda dose acontece para todos os públicos. Acesse o link para saber os locais e horários.

Open Vacina - Pouco antes de iniciar a vacinação, a música já estava tomando conta da Praça Renato Celidonio, onde já se formava a fila desde um pouco antes das 6h. Para animar o início do evento, o servidor Giba Souza (Gilberto Souza), do Almoxarifado da Secretaria de Saúde, apresentou seu repertório com voz e violão. O evento contou com a presença do prefeito de Maringá, Ulisses Maia; do vice-prefeito, Edson Scabora; e do secretário de Saúde Marcelo Puzzi, entre outros secretários e servidores que prestigiaram a ação nesta manhã.

“Parabenizo os servidores da saúde e demais funcionários públicos que organizaram com muita eficiência este evento. Agradecemos aos parceiros, aos músicos e aos jovens que compreendem a importância da vacinação e compareceram para se imunizar”, frisou o prefeito. 

Assim que começou a vacinação, o Dj Mano Japa seguiu animando o público. Nessa manhã também tivemos a presença do Dj Estevão: “É gratificante participar deste momento histórico em Maringá. Chegamos no momento em que as pessoas com 18+ estão sendo vacinadas. É um passo para voltar com nossa vida normal. É um momento muito importante pra mim. É uma honra celebrar com a Prefeitura essa data", afirmou o músico. O evento segue com mais atrações musicais ao longo do dia, com os Djs Tony g, Donnatus, Antonini, Camis, Doug jay e Poul. 



Primeiro - O primeiro a chegar na fila da vacinação foi Felipe Forcelli, 23 anos. Ele chegou às 5h40 da manhã e exaltou a ação da Prefeitura, achando uma proposta bem legal e diferente do que já foi feito. Yasmim Neves, 20 anos, e Arthur Gabriel, 21 anos, elogiaram a iniciativa da Prefeitura. Segundo Yasmim, “Achei muito legal a proposta, ela ajuda a conscientizar a galera, a trazer um ambiente mais descontraído, por ser um público mais jovem”. Já Arthur, lembrou a importância de incentivar cada vez mais o público jovem para a vacinação: 

“O jovem por gostar muito de estar com pessoas, sair de casa e acaba se colocando mais em risco, infelizmente, então é a faixa etária que deve ser conscientizada. E eu fico muito feliz em saber que a Prefeitura está apoiando e ver o resultado que está trazendo, com essa fila enorme de vacinação que ta aqui hoje".

O "Open Vacina" também trouxe como temática o Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, com um painel de “Cartas Amarelas” com textos de incentivo à vida e escritas por psicólogos voluntários que foi montado na frente do Auditório Hélio Moreira.
Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas