CAPS completa 17 anos de atividades

 


O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II) em Jacarezinho completou no início do mês de outubro 17 anos de funcionamento. Mesmo com a Pandemia os trabalhos desenvolvidos no local sofreram algumas alterações, mas nada que atrapalhasse o atendimento dos mais de 400 pacientes dos 22 municípios pertencentes ao Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro (CISNORPI).

“Eles tratam com maior atenção e carinhos as pessoas que sofrem de algum transtorno mental. Quero parabenizar a todos os funcionários que se dedicam diariamente no atendimento aos pacientes. A equipe estar em harmonia é o sucesso deste projeto”, comenta o Diretor do CISNORPI Tony Palhares.

O Projeto do CAPS foi instituído em 2004 e atualmente são desenvolvidas oficinas terapêuticas como: “Cuidando do cuidador”, “atividade física”, “horta e jardinagem”, “pedagogia”, “artesanato” e “expressiva” que auxiliam no cotidiano dos pacientes.



A responsável pelo CAPS II Sibeli Lima ressalta que um dos principais objetivos do espaço é a busca da reinserção social. A possibilidade de dividir experiências e ouvir outras pessoas que passam por problemas semelhantes é o grande diferencial da terapia em grupo, na qual um aprende com o outro e contribui para o seu equilíbrio. Através da troca, todos começam a se sentir mais fortes para enfrentar o problema e passam a vê-lo de uma forma diferente.

A equipe oferece assistência diária com equipe multiprofissional objetivando substituir as internações psiquiátricas. A busca de recuperação por meio da integração social, autonomia e manutenção da saúde mental com um tratamento de forma humanizada.



A equipe multiprofissional é composta: Eurico (Educador Físico), Janaina Albuquerque (Terapeuta Ocupacional), Cristianne Beatriz (Psicopedagoga), Aline Cristina Rosa (Artesã), Mayra Saad (Psicóloga), Ana Lucia Rodrigues (Auxiliar de Enfermagem), Thais Aparecida Santos (Técnica em enfermagem), Dilceane (Auxiliar Administrativo), Verônica (Serviços Gerais), Carolina Perin (Psiquiatra), e Sibeli (Enfermeira encarregada coordenadora).

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas