De voo de balão no Botânico a ópera no Memorial Paranista, Natal de Curitiba terá a maior programação gratuita do país



Árvores de Natal e rosáceas luminosas nos cartões-postais de Curitiba e nas Ruas da Cidadania. Circuitos natalinos de carro no Passeio Público e nos parques Barigui e Náutico. A volta da Vila de Natal, agora no Mercado Municipal. Do Natal no Palácio Avenida à decoração da Família Moletta no Umbará, as tradições natalinas curitibanas se espalham do Centro para os bairros e com novidades: voo de balão (preso ao solo) no Jardim Botânico, mantos de luz cobrindo de ponta a ponta a Rua XV de Novembro e a Ópera da Cura no Memorial Paranista.

Com o tema A Gratidão Vai Iluminar a Cidade, a quinta edição do Natal de Curitiba - Luz dos Pinhais, lançada pelo prefeito Rafael Greca, nesta segunda-feira (25/10), será a maior programação gratuita de fim de ano do país. A temporada começa no dia 18 de novembro, com a estreia da decoração de Natal do Largo da Ordem (Centro Histórico).

“Neste Natal, Curitiba agradece o dom da vida. Com mais de 65% dos curitibanos imunizados com as duas doses da vacina contra covid-19, a maior graça que se pode ter é a vida. Por isso, este será o Natal da gratidão”, afirmou Greca, que estava acompanhado da primeira-dama Margarita Sansone.

O prefeito destacou também que a Prefeitura e seus parceiros estão mobilizados para transformar a capital em uma ótima opção para moradores e turistas desfrutarem, com toda segurança, experiências únicas neste fim de ano.



Serão 53 dias de atrações da Prefeitura e da iniciativa privada, entre autos, circuitos natalinos de carro (drive-thru), recitais de ópera, voos de balão, concertos, exposições, feiras temáticas, aulas-show gastronômicas e até experiências olfativas.

LEIA TAMBÉM

A capital volta a ganhar ainda uma decoração toda especial, repleta de luz, cor e muito brilho, que levará a festividade do Centro para os bairros. Serão cerca de 30 árvores espalhadas por toda a cidade e não faltarão as tradicionais Estrelas de Belém iluminadas, que vão indicar e valorizar atrações históricas curitibanas.

A maioria das atrações termina no dia 30 de dezembro, mas a decoração poderá ser apreciada até 9 de janeiro.

Segurança sanitária

Todas as atrações do Natal de Curitiba seguirão os protocolos sanitários do município para evitar aglomerações e contágios pela covid-19, como distanciamento social, obrigatoriedade do uso de máscara, controle de público e agendamento on-line (a partir de 5/11) para assistir a espetáculos como autos, concertos, óperas, passeios e apresentações drive-thru ou drive-in.

A população também poderá acompanhar os espetáculos pelas redes sociais e sites da Prefeitura de Curitiba e da programação natalina.

Retomada econômica

O Natal de Curitiba - Luz dos Pinhais 2021 também integra o esforço do município para acelerar a retomada econômica da capital.

"Com a programação, estamos criando um círculo virtuoso de estímulo à economia local em diversos setores, como hotelaria, gastronomia, transporte, receptivo, prestação de serviços, comércio. Também vamos fortalecer a rede de economia criativa da cidade ao criar oportunidade de emprego e renda para artesãos, artistas, cenógrafos e mão de obra especializada, como operadores de luz e som”, argumentou Greca.

A expectativa é que mais de dois mil profissionais da cadeia da economia criativa sejam beneficiados com o Natal de Curitiba 2021.

Parcerias

Como nas edições anteriores, Curitiba celebrará o Natal de 2021 com uma programação descentralizada, contemplando o Centro e os bairros, e uma rede de voluntários e apoio financeiro de patrocinadores, como O Boticário, Condor, Electrolux, Festval, Volvo, Ademicon, Ebanx, Consórcio Servopa e ParkShoppingBarigüi.

“Curitiba já se consolidou no roteiro nacional natalino e, mesmo durante a pandemia, mostra que uma cidade inteligente como é a nossa capital consegue recriar, por meio de parcerias público-privada, lindos cenários que retratam o caráter lúdico do nascimento de Jesus Cristo. E tudo poderá ser apreciado com segurança”, reforçou Greca.

Retorno

Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo, previu que o investimento da Prefeitura no Natal trará um bom retorno para a cidade, pois a programação atrai um maior número de turistas e movimenta toda a economia.

“A cada real investido pela Prefeitura na programação, estima-se que o retorno dos turistas seja de R$ 37 no comércio e serviços”, salientou Tatiana.

A presidente do instituto lembrou que, desde o início da programação natalina em 2017, o tempo de permanência de turistas vem aumentando em Curitiba no fim do ano. “Em 2019, essa permanência média passou de dois para quatro dias, movimentando ainda mais os setores de hotelaria, alimentação, transporte e comércio da capital”, contou.

Tatiana espera que a programação de 2021 supere o número de expectadores de 2019, quando 700 mil pessoas acompanharam as atrações. "Deste total, 100 mil eram turistas", acrescentou ela.

Fundação Cultural de Curitiba e Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac) são responsáveis pela organização dos espetáculos da Prefeitura.

O agendamento on-line para assistir ou participar de algumas atrações começa em 5 de novembro no site do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2021. A programação completa está em https://natal.curitiba.pr.gov.br/, sujeita a alterações.

Presenças

Representantes de empresas patrocinadoras do Natal de Curitiba acompanharam o lançamento: André Santini (Copel Telecom), Joanir Zonta (Condor), Rodrigo Tomáz de Oliveira (Electrolux), Tatiana Reichman (Ademicon), Viviane Delgado (Ebanx), Fabiano Szpyra (Festval), Marco Aurélio Jardim (ParkShopingBarigüi) e Corina Pedroso (Consórcio Servopa).

Também participaram do lançamento do Natal de Curitiba 2021 o presidente da Câmara Municipal de Curitiba, vereador Tico Kuzma; os vereadores Pier Petruzziello (líder do governo), Alexandre Leprevost, Marcelo Fachinello, Mauro Ignácio, Oscalino do Povo, Serginho do Posto, Sidnei Toaldo e Eder Borges; os secretários Luiz Fernando Jamur (Governo), Maria Silvia Bacila (Educação), Marilza Dias (Meio Ambiente), Luiz Gusi (Segurança Alimentar e Nutricional), Cinthia Genguini (Comunicação) e Rodrigo Rodrigues (Obras Públicas); a procuradora-geral do município, Vanessa Volpi; a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro; o presidente da Urbs, Ogeny Maia Neto; o presidente do Icac, Marino Galvão Júnior; o assessor especial de Articulação Política, Lucas Navarro de Souza; a assessora do prefeito, Cibele Fernandes Dias; o superintendente da Guarda Municipal, Carlos Celso dos Santos Junior; a superintendente de Trânsito, Rosângela Batistella; e a superintendente da Secretaria Municipal da Saúde, Beatriz Battistela Nadas.


FONTE: PREFEITURA DE CURITIBA

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas