Prefeito Marcelo Belinati recebe o deputado estadual Michele Caputo



O prefeito Marcelo Belinati recebeu na manhã de quinta-feira (28), em seu gabinete, o deputado estadual Michele Caputo. Na oportunidade, o deputado, que é coordenador da Frente Parlamentar do Coronavírus na Assembleia Legislativa do Paraná, entregou ao prefeito o relatório de atividades sobre os 14 meses de atuação da Frente na Assembleia Legislativa do Paraná, que compreende o período entre junho de 2020 e agosto de 2021.

“Trata-se de um relatório abrangente, que traz informações sobre as 21 reuniões virtuais realizadas pelos deputados e deputadas, bem como os debates que foram promovidos acerca de temas relevantes que tiveram e ainda têm impacto direto na vida dos paranaenses durante esta pandemia de Covid-19. Trata-se de oportunidade para dar voz a quem mais é atingido pela pandemia”, disse Caputo, que foi secretário de Saúde do Estado do Paraná no período de 2011 a 2018.



O prefeito Marcelo Belinati agradeceu ao deputado e disse que Caputo sempre auxiliou Londrina. “Tudo o que fizemos na Saúde de reformas, construções, sede do Samu, PAI, ampliação da Maternidade Municipal, teve a ajuda do Michele. Nossa gratidão a esta parceria que nos apoia muito na transformação da saúde em Londrina”, declarou.

 visita do deputado teve a presença do vice-prefeito de Londrina, João Mendonça.

Abaixo, segue relatório dos recursos liberados de 2011 a 2018 e destinados para Londrina.

 

Londrina – R$ 338.936.589,73

Base do Aeromédico com helicóptero exclusivo da saúde

 

Unidades de Saúde reformadas

Tota: R$ 2 milhões

  1. Centro de Saúde Municipal Dr. Newton Leopoldo da Câmara – Vila Casoni (Centro)
  2. Centro de Saúde Municipal Dr. Ody Silveira – Vila Portuguesa – (Centro)
  3. Centro de Saúde Municipal Dom Hélder Câmara – Conjunto Ernani de Moura Lima (região Leste)
  4. Unidade de Saúde Dr. Orlando Vicentini – Conjunto Maria Cecília (região Norte)
  5. Unidade Básica de Saúde Márcia Andreoni Der Bedrossian – Conjunto João Paz (região Norte)
  6. Centro de Saúde Municipal Carnascialli – Centro Habitacional Carnacialli 1 (região Norte)
  7. Centro de Saúde Municipal Dr. Carlos da Costa Branco – Parque Alvorada (região Oeste)
  8. Centro de Saúde Municipal Herbert de Souza “Betinho” – Jardim Leonor (região Oeste)
  9. Centro de Saúde Municipal Dr. Anísio Figueiredo – Jardim do Sol – (região Oeste)
  10. Unidade Básica de Saúde Piza / Roseira Dra. Maria do Socorro N. Brito – Jardim Piza (região Sul)
  11. Unidade Básica de Saúde Dr. João Nicolau – Distrito de Lerroville (Zona Rural)
  12. Unidade de Saúde Municipal Joaquim Berigo de Oliveira – Distrito de Paiquerê (Zona Rural)
  13. Unidade Básica de Saúde Warta – Gertrudes Stapassoli Herek – Distrito da Warta (Zona Rural)

Obras gerais:

Ampliação do Hospital do Câncer de Londrina – R$ 3.500.000,00 (2013)

Melhorias e reparos de UBS (Gleba Lindoia) – R$ 485.550,00 (2012)

Melhorias e reparos no Hospital da Zona Sul – R$ 163.198,28 (2013)

Convênio para reforma e ampliação de UBS (Jardim Itapoã) – R$714.893,49 (2016)

Reforma do centro de esterilização do HU – R$ 1.745.631,36 (2014)

Construção da clínica odontológica da UEL – R$ 9.819.665,65 (2017)

Ampliação de leitos de UTI no HU – R$ 2.704.104,69 (2017)

Construção da casa de caldeira da Santa Casa de Londrina – R$757.279,68 (2015)

Reforma de USF – R$ 150.000,00 (2017)

Reforma de USF – R$ 135.593.57 (2017)

Reforma do prédio da 17RS (farmácia do paraná) – R$ 161.459,01

Ampliação do Hospital do Câncer – R$ 5.679.383,90 (2018)

Construção do Centro de Especialidades – R$ 6.999.767,21 (2018)

Construção da Maternidade do HU – R$ 12.568.578,90

Construção do novo Pronto Socorro do HU – R$ 13.000.000,00

 

Veículos

2 Clio (2011); 2 Amarok (2016); 3 Duster (2016); 11 ambulâncias; 4 ônibus COMSUS (2014)

Transporte Sanitário – R$ 600.000,00

 

APSUS

Total: R$ 3.287.066,97

Kits de fisioterapia (4) mais equipamentos para postos de saúde, telessaúde e para salas de vacinação

 

VIGIASUS

Total: R$ 2.596.876,25

Combate à dengue: R$ 400.000,00

 

Apoio para compra de medicamentos

R$ 19.274.349,92

 

Apoio ao Samu

R$ 16.778.452,00

 

Outros:

Investimento em infraestrutura do HU – 18.856.834,42 (UEL)

Gestão de Hospitais Próprios – R$ 22.674.816,00 (HZS e HZN e CISMEPAR)

Incentivo a entidade filantrópica – Instituto do Câncer de Londrina – R$ 9.950.000,00

Equipamentos para HU – R$ 2.868.409,02



FONTE: PREFEITURA DE LONDRINA

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas