Campo Largo visa parceria para desenvolvimento de qualificação profissional a jovens campo-larguenses



Na tarde desta quarta-feira (10/11), o prefeito de Campo Largo, Maurício Rivabem, recebeu no auditório da Administração Municipal o presidente da Organização GERAR, Francisco Essert, que realizou uma apresentação dos projetos cerceados pela organização social. Vereadores do município estiveram presentes para o conhecimento do Termo de Convênio que será firmado com o Poder Executivo.

Fundada em 2003, a GERAR desenvolve e implementa projetos de sustentabilidade social, capacitação profissional e Educação Ambiental. Através de formações profissionalizantes, a organização promove o desenvolvimento social de uma região (cidades), através de ações educacionais, para que os jovens sejam protagonistas de sua história em uma sociedade mais justa e inclusa.
No momento do encontro, foi explanado acerca do Programa Aprendiz Legal, que insere os jovens no mercado de trabalho, criando oportunidades reais para se qualificarem profissionalmente. O programa é baseado na Lei de Aprendizagem - nº 10.097/2000 - atendendo as necessidades das empresas na contratação de aprendizes de forma qualificada e efetiva.
O Programa Aprendiz Legal conta com iniciativa da Fundação Roberto Marinho e implementação da GERAR nos estados do Paraná e Santa Catarina. Mais de 6 mil jovens já passaram pelo programa, com módulos de potencialização e garantia de transformação social através da Educação.
O "Aprendiz Legal" apresenta alguns cursos ministrados por profissionais de alta performance. São eles:
- Ocupações Administrativas;
- Comércio e Varejo;
- Logística;
- Almoxarife;
- Telesserviços;
- Conservação;
- Limpeza e Sustentabilidade Ambiental;
- Auxiliar de Produção;
- Auxiliar de Alimentação.
O programa também oportuniza estágio para jovens que estão cursando Ensino Técnico ou Superior.
COMO FUNCIONA - O Programa de Aprendiz é realizado nas cidades através de parcerias com a sociedade civil organizada. O jovem aprendiz incluso tem entre 14 a 24 anos de idade e, para realizar o cadastro e participar das entrevistas, reforça-se que este tenha até 22 anos de idade, para o tempo hábil necessário para cumprir o contrato, que varia de 15 a 24 meses.
O curso de qualificação tem 12 horas, com quatro encontros de 3 horas. O objetivo é a preparação para o mundo do trabalho e para o momento da entrevista profissional. Após o curso, os jovens que participaram de todos os encontros serão encaminhados de forma prioritária às vagas do Programa de Aprendizagem.
Para jovens interessados, o cadastro é realizado pelo site: https://www.gerar.org.br/aprendizlegal/
DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA - RG e CPF, carteira de trabalho e estar estudando ou já ter concluído o Ensino Médio.
As vagas podem ser acompanhadas pela rede social: Facebook "Gerar Campo Largo".
MAIS PROGRAMAS - Outros programas de transformação social foram abordados na reunião. São eles: Mega, Aprova, GERAR Esquenta e Florescer.
O "GERAR Esquenta" já contempla o município e realiza, em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, assistência e capacitação a 15 jovens em situação de vulnerabilidade e risco social. Esses jovens têm entre 14 a 19 anos de idade e o programa iniciou no último dia 05/11, em encontros no CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) Ferraria. A próxima etapa é inserir jovens às capacitações e assistência na região do CRAS Popular Nova.
Conheça mais a plataforma da GERAR e todos os programas no site: www.gerar.org.br


FONTE: PREFEITURA DE CAMPO LARGO
Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas