Em reunião com ministros e FPA, Lupion reforça defesa do biodiesel do Brasil



 "Estamos tratando de matéria prima do agro brasileiro. A redução do porcentual de biocombustível na mistura do diesel comercial afeta o campo e vida de milhares de produtores rurais no país".


A frase é do deputado federal e presidente da Frente Parlamentar do Biodiesel (FPBIO) Pedro Lupion (DEM-PR). Ele se pronunciou durante reunião nesta terça (23) da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) com os ministros da Casa Civil, Ciro Nogueira, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, da Saúde, Marcelo Queiroga, e do Meio Ambiente, Joaquim Leite.


O cenário para a produção de biodiesel no Brasil foi um dos principais temas levantados no encontro, que teve a presença de deputados e senadores ligados à agropecuária nacional.


"Tenho conversado também com os ministros Bento (Minas e Energia), Tarcísio (Infraestrutura), a ministra Tereza e todos aqueles que podem ajudar nosso setor a garantir a geração de oportunidade e renda no campo”, afirmou Lupion.



Pautas


Na reunião, a FPA apresentou, como outra prioridade no Congresso Nacional, a aprovação de proposta que aperfeiçoa a legislação sobre defensivos agrícolas no Brasil, relatada pelo deputado Luís Nishimori. 


Além disso, também estão na ordem do dia da Frente, mudanças na regularização fundiária, a questão das terras indígenas em discussão no Supremo Tribunal Federal e o projeto que permite, aos produtores rurais, realizar o autocontrole de sua produção, relatado por Pedro Lupion.

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas