Estado investe R$ 4,7 milhões na regionalização do aeroporto de Cornélio Procópio



O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) destacou nesta quarta-feira, 3, em encontro com o governador Ratinho Júnior (PSD) que a modernização do Aeroporto Francisco Lacerda Junior vai permitir a regionalização do serviço aéreo no Norte Pioneiro. Romanelli e Ratinho Júnior assinaram convênio no valor de R$ 4.771.057,10 para remodelação do aeroporto e pavimentação da pista de pouso e decolagem.

“É mais uma ação acertada do Governo do Paraná, que ajuda os municípios a se prepararem para a retomada da economia, com a efetivação do maior programa de aviação regional do Brasil”, destacou Romanelli. Participaram do ato o secretário Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) e o prefeito Amin Hannouche (PSD), além de lideranças locais e da região.O aeroporto de Cornélio Procópio será totalmente remodelado. A pista de pouso e decolagem vai receber recape com CBQU (concreto betuminoso usinado a quente) em toda a extensão, de 1.680,33 metros e área total de 42.736,41 metros quadrados. O governador anunciou ainda que o aeroporto receberá balizamento noturno do equipamento, o que irá ampliar os horários para pousos e decolagens.“É um investimento significativo em infraestrutura, que vai permitir à cidade se desenvolver. Um aeroporto em condições resulta na atração de novas indústrias e de mais emprego e renda para a população. Impacta também no turismo de uma região que já conta com grandes resorts e outros tantos que estão se instalando”, disse o governador.Centro urbanos - Para o prefeito Amin Hannouche, o investimento no aeroporto promove um impacto muito grande na vida da população do Norte Pioneiro, além de ajudar a salvar vidas. “O Governo do Paraná está presente em toda a nossa região com diferentes obras e intervenções. São conquistas que vão além de Cornélio Procópio, vão beneficiar toda a comunidade”, reforça.Romanelli acrescenta que, com a modernização, o aeroporto terá uma característica regional que vai ajudar o Paraná a se transformar no hub logístico da América do Sul. Ele lembra que, com os novos investimentos, o Norte Pioneiro será integrado a outras regiões, transformando-se num polo para a aviação regional.“É mais que um investimento em infraestrutura. O Norte Pioneiro estará interligado com as principais regiões do Estado, com o descolamento rápido e seguro, tão logo seja retomado o programa Voe Paraná”, avalia. 
A previsão é que novas linhas aéreas sejam criadas ao longo de 2022, passando pelas cidades de Guaíra (Oeste), Paranavaí (Noroeste), Francisco Beltrão (Sudoeste), Cornélio Procópio (Norte), União da Vitória (Sul), Cianorte (Noroeste), Campo Mourão (Centro-Oeste), Telêmaco Borba (Campos Gerais), Arapongas (Norte) e Apucarana (Vale do Ivaí).

FONTE: ASSESSORIA
Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas