Jardim da Assembleia Legislativa recebe mudas nativas em comemoração ao Dia da Árvore


 

Os jardins da Assembleia Legislativa do Paraná estarão mais floridos nas próximas primaveras. Quatro mudas de árvores nativas da Mata Atlântica foram plantadas no jardim de acesso ao Prédio dos Gabinetes nesta segunda-feira em comemoração ao Dia da Árvore, celebrado em 21 de setembro. O plantio também marca o encerramento da campanha de recolhimento de resíduos do Dia Mundial da Limpeza.

Foram plantadas duas mudas de ipê-amarelo, flor considerada símbolo do Brasil, uma de araçá e outra de pitanga. As árvores receberão placas de identificação com as informações sobre as espécies e o plantio para que as futuras gerações possam acompanhar o desenvolvimento das plantas. “Esse plantio em um dia simbólico como hoje serve de alerta para que todos possam fazer a sua parte e contribuir para a preservação das nossas florestas”, afirmou o presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSBD).

A diretora-geral da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Fabiana Campos, explica que as ações desenvolvidas simultaneamente em todo o Estado têm como objetivo promover a conscientização ambiental e despertar na população o desejo de cuidar do nosso planeta. “As novas gerações que depois vão passar por esse jardim vão olhar e pensar: alguém um dia pensou que a gente poderia ter um espaço mais bonito e mais florido na Assembleia Legislativa do Paraná. A gente começou a campanha falando da importância de não descartar de forma inadequada os resíduos e a gente encerra plantando a árvore. Hoje, 21 de setembro, é Dia da Árvore, a gente está entrando também na primavera. Então a gente começa a reconhecer a importância do florir, de renascer e dar um significado a isso. Cada vez que a gente planta uma árvore é uma nova chance que a gente está dando para o planeta”.

A Assembleia Legislativa foi um dos parceiros do Dia Mundial da Limpeza e durante a semana passada foi um dos pontos de coleta de resíduos como roupas, produtos eletrônicos sem uso, pilhas, baterias, medicamentos vencidos, lâmpadas e óleo usado. Tudo foi recolhido por equipes da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e terão a destinação correta. “Infelizmente, em pleno século XXI, ainda sofremos com doenças que poderiam ser eliminadas com a adoção de boas práticas relacionadas ao lixo que produzimos. Essa campanha vem para esclarecer e alertar a sociedade paranaense sobre esse tema tão importante”, afirmou o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), primeiro secretário da Assembleia Legislativa do Paraná.

Somente no Dia da Árvore, serão distribuídas e plantadas em todo o Paraná 550 mil mudas, mas a meta da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo é muito maior. “A secretaria tem a meta de plantar um milhão de árvores e nos próximos dois anos mais dois milhões. Então, um milhão por ano para que a gente possa efetivamente proteger as nascentes, proteger vales e, por exemplo, a água. Nós estamos passando por uma crise hídrica grande agora e poucas pessoas sabem que plantar árvores em volta de uma nascente ajuda a proteger e a retornar à água para onde antes não existia”, alerta Fabiana.



Já segue nossas Mídias Sociais?

ENTRE EM NOSSO GRUPO DO WHATS. CLIQUE AQUI

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK. CLIQUE AQUI

SIGA NO INSTAGRAM. CLIQUE AQUI


Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas