ARTIGO: O trabalho com os alunos da rede municipal

 


Outro dia comecei a me questionar, o que posso fazer como Professora para que o ensino aprendizagem dos meus alunos possa ser significativo. Neste momento de Pandemia que se protela por muito tempo, pois David Ausubel aborda bem esse tema, sendo o mesmo de grande relevância.

Diante desde questionamento busquei parceria com os pais de meus alunos, que aceitaram prontamente a minha sugestão de realizar a explicação do conteúdo pelo Google Meet, ainda que não se compara com o presencial, mas dentro das possiblidades foi uma ação que possibilitou levar os conhecimentos aos meus alunos, os mesmos conseguiam tirar suas dúvidas, ter a comunicação com seus amigos de sala, e digo eles deram um SHOW.

Consegui ver o brilho em seus olhinhos, é lógico no meu também, minhas aulas, enquanto não for possível de retornarmos, será neste formato, pois diante de retorno dos pais acredito estar fazendo a diferença para meus alunos, quero que meus alunos não sejam somente mero espectadores e sim protagonistas de suas próprias histórias.

Pois a sala de aula não precisa estar restrita ao espaço delimitado entre quatro paredes, sendo assim o papel do professor não é mera transmissão de conhecimento, mas sim uma construção de saberes. Destaco aqui a fala de Rubem Alves que retrata bem a preocupação que tenho com o ensino aprendizagem. 

Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas.

Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do voo. Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o voo.

Saliento também, que tenho uma turma de Infantil III Integral vespertino no CMEI Maria Guedes Maluta, onde realizo um trabalho com as crianças através de vídeo, e tenho a parceria dos pais para a realização das atividades, me emociono a cada retorno recebido, pois sei o quanto isso é valioso, meu muito obrigada a vocês, sozinha não, não sou ninguém em relação ao ensino aprendizagem, mas juntos faremos a diferença na vida escolar desses pequenos. 

Obrigada pais por acreditarem no meu trabalho e ter a preocupação com o aprendizado de seus filhos.

 

A Professora Andréia Soares Alexandre é Professora do 5 ano A da Escola Municipal Sebastião Severino da Silva no município de Itambaracá - Paraná

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas