Inovações fortaleceram Assembleia Legislativa, avalia Romanelli



O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) participou na noite de quarta-feira, 29, da abertura da II Semana Acadêmica da Escola do Legislativo e destacou os avanços tecnológicos que permitiram o pleno funcionamento dos trabalhos da Assembleia Legislativa ao longo da pandemia.


“Acredito que as inovações no processo legislativo fortaleceram o parlamento do Paraná, que se tornou uma instituição ainda mais democrática. Os novos sistemas ampliaram a produtividade e a transparência, e todos ganham com isso”, explicou o deputado, primeiro-secretário da Assembleia. “A pandemia trouxe mudanças de paradigmas e inovações que vieram para ficar. Nada será como antes”.

Romanelli destacou o empenho do legislativo e dos servidores para resolver os entraves técnicos e jurídicos para estabelecer um novo formato de trabalho para os deputados através do meio virtual. “Fizemos as adaptações, respeitando o regimento interno e todas as questões legais”, pontuou. “Mantivemos o ritmo dos trabalhos e aprovamos leis fundamentais para o enfrentamento da Covid-19 logo após a detecção dos primeiros casos no Paraná”, relatou Romanelli.

Atividades - O deputado rememorou que a última sessão totalmente presencial, com a participação dos deputados em plenário, ocorreu em 18 de março de 2020 e no dia 23 daquele mesmo mês já foram iniciadas as sessões remotas e em formato híbrido. “Saímos rapidamente da dificuldade inicial”, salientou o deputado na videoconferência promovida pela Escola do Legislativo.

O primeiro secretário enumerou ainda uma série de ações durante o período de pandemia e destacou que, somente em 2021, os deputados produziram 5.427 proposições legislativas, realizaram 108 sessões plenárias, 76 audiências públicas e 178 reuniões de comissões. Os dados e todas as ações podem ser conferidas no link www.assembleia.pr.leg.br/comunicacao/covid-19

Digitalização - Romanelli destacou ainda que hoje a Assembleia Legislativa funciona em um sistema misto, onde os parlamentares podem votar presencialmente ou de forma remota. Essa necessidade de inovação e modernização, segundo o deputado, acelerou o processo de digitalização do sistema legislativo e a Assembleia, tanto no setor administrativo (desde 2019), como no legislativo, atua de forma 100% digital.

Escola do Legislativo - A semana de estudos tem como tema “O desempenho das Casas Legislativas na pandemia de Covid-19” e a abertura dos trabalhos teve a participação dos professores Isabele Mitozo, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), e Leonardo Barbosa, doutor em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ). As atividades podem ser acompanhadas pelas redes sociais e pela TV Assembleia.

A Escola do Legislativo da Assembleia do Estado do Paraná é uma iniciativa da atual Mesa Diretora, presidida pelo deputado Ademar Traiano, que integra a política de modernização da Casa, valorização do corpo funcional e a busca por maior eficiência no serviço público.

Aberta no dia 14 de setembro de 2015, a Escola tem ações voltadas para deputados, vereadores, servidores do legislativo, funcionários de câmaras municipais, lideranças comunitárias, entidades e cidadãos interessados em aprofundar conhecimentos sobre o setor público.

FONTE: ASSESSORIA
Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas