Transporte coletivo e impactos na saúde são temas da oitava reunião da Frente Parlamentar do Coronavírus


O deputado Michele Caputo (PSDB) afirmou que a oitava reunião da Frente Parlamentar do Coronavírus na próxima quarta-feira, 19, a partir das 9h30, terá dois temas principais: transporte coletivo e saúde, com ênfase no impacto da pandemia no tratamento de doenças renais. "Duas pautas distintas, que merecem uma atenção especial do poder público. No caso do transporte coletivo, precisamos achar soluções para o problema dos ônibus lotados, que são um dos principais locais de contágio do coronavírus nas médias e grandes cidades e nas regiões metropolitanas" disse Michele Caputo, coordenador do colegiado.

Para a reunião, foram convidados o presidente da Assomec (Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba), prefeito de Fazenda Rio Grande Marcio Wozniack (PSDB), além de representantes da da Comec (Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba) e da Urbs. 

Michele Caputo é um dos autores do projeto de lei, aprovado na Assembleia Legislativa, que limita a lotação dos ônibus do transporte coletivo ao números de assentos disponíveis. A proposta é de autoria ainda dos deputados dos deputados Doutor Batista (DEM), Márcio Pacheco (PDT), Mauro Moraes (PSD), Luiz Cláudio Romanelli (PSB), Rodrigo Estacho (PV) e Soldado Fruet (Pros) - todos integrantes da frente.

Propostas -
 Michele Caputo adiantou aos deputados colegiado que é possível acrescentar mais pautas na reunião que será transmitida pelos canais da Assembleia Legislativa na internet, pelo seu site ou pelo Youtube, e na TV Sinal. "Numa reunião da frente é possível tratar dois ou três grandes assuntos, assim como estamos fazendo. Por exemplo na última da reunião, convidamos a OMS para falar das vacinas, como também tratamos da situação da categoria dos enfermeiros no enfrentamento à covid-19, e a situação do sistema prisional durante a pandemia".

Nesta edição da reunião, a Sociedade Paranaense de Nefrologia também terá espaço para discutir demandas do setor de atendimento aos doenças renais. Com a presença da presidente da entidade, Ana Paula Emrich, serão discutidas propostas para apoiar as clínicas que oferecem hemodiálises e que estão enfrentando dificuldades para atender os pacientes, bem como outras situações que afetam diretamente o tratamento dessas pessoas.

O deputado Caputo ressaltou o trabalho da frente parlamentar e da Assembleia Legislativa no enfrentamento ao coronavírus no Paraná. "Debatemos sobre todas as perspectivas em relação ao enfrentamento da pandemia, seja sanitária, econômica ou social. Dessa discussões surgem importantes propostas e encaminhamentos, que se materializam em projetos de lei, requerimentos, decretos legislativos, ou sugestões aos três poderes do Estado", destacou Michele Caputo.

A frente parlamentar é composta pelo coordenador, deputado Michele Caputo (PSDB), pelas deputadas Mabel Canto (PSD), Maria Victoria (PP), Luciana Rafagnin (PT) e Cristina Silvestri (CDN) e pelos deputados Do Carmo (PSL), Paulo Litro (PSDB), Delegado Jacovós (PL), Delegado Recalcatti (PSD), Alexandre Amaro (Republicanos), Goura (PDT), Subtenente Everton (PSL), Homero Marchese (Pros), Reichembach (PSC), Delegado Francischini (PSL), Delegado Fernando (PSL), Arilson Chiorato (PT), Tercílio Turini (CDN), Boca Aberta Junior (Pros), Soldado Fruet (Pros), Emerson Bacil (PSL), Luiz Claudio Romanelli (PSB), Gilson de Souza (PSC), Evandro Araújo (PSC),  Douglas Fabrício (CDN), Luiz Fernando Guerra (PSL), Doutor Batista (DEM), Nelson Luersen (PDT), Mauro Moraes (PSD), Rodrigo Estacho (PV) e Professor Lemos (PT).  

SERVIÇO – A oitava reunião remota da Frente Parlamentar do Coronavírus será realizada a partir das 8h30, no dia 19 de agosto, quarta-feira. O debate será transmitido ao vivo pela TV Assembleia e pelas redes sociais do legislativo paranaense.

FONTE: ASSESSORIA


Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas