Prefeitura recebe doação de 7,5 mil exames anticovid com tecnologia curitibana



 A Prefeitura de Curitiba recebeu nesta sexta-feira (29/10) 7,5 mil exames laboratoriais de antígenos para covid-19.

A doação da empresa curitibana Hilab foi formalizada em reunião do prefeito Rafael Greca com o CEO da companhia, Marcus Figueredo, da qual participou também o vice-prefeito Eduardo Pimentel. 

Os exames de resultado rápido serão destinados aos trabalhadores das Unidades Básicas de Saúde e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da capital.

“Recebemos esses 7,5 mil exames gratuitos que servirão de piloto no SUS Curitibano da tecnologia do Hilab, empresa de tecnologia de ponta na Saúde que é um orgulho de Curitiba ao mostrar que nossa cidade tem inovação para oferecer para o Brasil e para o mundo”, afirmou o prefeito. 

Inteligência Artificial

Os exames anticovid recebidos pela Prefeitura têm tecnologia que alia Inteligência Artificial e Internet das Coisas para entregar os resultados rapidamente: o exame de antígeno é concluído em 15 minutos e exame molecular, em 40, entregues diretamente no smartphone do paciente ou no sistema de Saúde.

Além dos exames, foram entregues ao município os equipamentos leitores das amostras (de sangue ou mucosa). As pequenas ferramentas recebem o material coletado, convertem a análise em informações digitalizadas e as transmitem, via internet, para o laboratório central da empresa, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

A testagem nas equipes da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) esse material servirá de ferramenta epidemiológica adicional no apoio diagnóstico e terapêutico dos trabalhadores atuantes no enfrentamento da pandemia do covid-19 na cidade. 

“Entendo esse novo modal como o futuro das análises clínicas no Brasil e no mundo”, avaliou a superintendente executiva da SMS, Beatriz Battistela Nadas. 

Inovação 

O equipamento desenvolvido pela Hilab pode fazer a leitura de 40 exames de antígeno, entre eles, o da covid-19. A tecnologia para os produtos tem DNA totalmente curitibano. O objetivo da empresa é democratizar o acesso à Saúde, oferecendo a possibilidade da realização dos exames em locais até então pouco convencionais, como o Aeroporto Afonso Pena, onde já é utilizado. 

“Queremos ter nossa tecnologia cada vez mais presente no Sistema Único de Saúde . E o SUS Curitibano é uma referência, uma vitrine para todo o país. Também é muito importante participarmos desse ecossistema de inovação que a Prefeitura vem incentivando nos últimos anos”, destacou Figueredo.

Atualmente, os exames com a tecnologia Hilab são ofertados em 5 mil pontos de 1,3 mil cidades brasileiras. A empresa gera 400 empregos na unidade da CIC.

Também estiveram presentes na entrega testes anticovid o diretor de Atenção Primária em Saúde da SMS, Juliano Gevaerd; a coordenadora de Enfermagem da SMS, Suellen Scarabotto e representantes da Hilab: o diretor médico e Infectologista, Bernardo Almeida e o diretor de Relações Institucionais, Júlio Félix. 


FONTE: PREFEITURA DE CURITIBA

Postagem anterior
Proxima
Postagens Relacionadas